Notícias

Jogar e Aprender: a Matemática com a GTR atende 300 alunos

29/01/2016
Os alunos da  Escola Municipal Cleonice Monteiro Wolney, região Norte de Goiânia participaram do Jogar e Aprender com a GTR, nesta sexta-feira. O objetivo da atividade é fortalecer aprendizado da Matemática de uma forma diferenciada e divertida.
Laila Freitas dos Santos, professora da disciplina explicou a importância da atividade para os alunos. "A aula de Matemática em sala é muito desgastante. Quando você traz o aluno para um ambiente aberto, com atividades lúdicas, aprende muito mais. Além de se tornar divertido e gratificante para eles", afirmou.
Para a educadora, por mais que o professor tente fazer a aula ficar interessante em sala de aula, use outros métodos para ensinar, ainda é difícil. O aproveitamento torna-se maior. "Eles gostam. Faz com que a aula fique mais prazerosa", pontuou.  "Já pude observar que em atividades como esta, eles nem querem voltar para a sala de aula, porque estão se divertindo, além de aprender", complementou.
Cerca de 300 estudantes de 4 a 14 anos, do ensino fundamental, dos períodos matutino e vespertino, da escola se empolgaram com os jogos apresentados e brincadeiras realizadas na quadra da unidade. Os alunos tiveram a oportunidade de ver que é possível aprender Matemática, que para muitos representa um pesadelo, na prática e de forma divertida, não apenas nas atividades de sala de aula. Para o aluno João Vitor Alves, 13, aluno do 8º ano, "uma atividade assim é importante porque tem contas e divisões nas brincadeiras, e ajuda a exercitar", exemplificou. 
A assessora Administrativa da GTR, Joelma Costa explicou que a instituição identificou a necessidade de oferecer aos estudantes uma oportunidade de aprendizado diferencias. 
Em parceria com a Connect Math, foi possível levar à escola um método diferenciado, que estimula a aprendizagem. "É ensinar Matemática de uma forma lúdica, gostosa, para que eles entendam que ela está ali, no dia-a-dia e não é só na lousa ou no caderno que se aprende", comentou.
"Desde pequenas, as crianças  já usam a lógica. Sabem o que é mais e menos, o que fazemos é mostrar isso a elas e que é o mesmo que se faz com a Matemática", explicou Silmara Carvalho, diretora da Connect Math. 
Sérgio Herculano, diretor da escola salientou a importância da atividade para os alunos, pois mostra a eles que existem outras maneiras de aprender. "É muito importante para eles aprenderem de forma diferenciada. Saem da lousa e vêm para uma prática que instiga o conhecimento", disse.

Fotos

 

Vídeo:

 

Por: Assessoria de Imprensa

Compartilhe:

Deixe seu comentário

Preencha os campos abaixo para deixar seu comentário.




Comentário não enviado. Preencha os campos obrigatórios!

Comentário enviado com sucesso!